É PRECISO FAZER VALER
NOSSA TRANSFORMAÇÃO
CULTURAL
E ESTAMOS
NESSE CAMINHO

Neste momento único da vida da Duratex, a diretora de Recursos Humanos, Glizia Prado, destaca que o cuidado com as pessoas é a prioridade da companhia e explica que isso se traduz em diversas iniciativas, que incluem protocolos de saúde, segurança e medidas para proteger os empregos. “A base de nossas ações é sempre o Jeito de Ser e de Fazer”, afirma nesta entrevista.

QUAL É O IMPACTO DA COVID-19 NA GESTÃO DE PESSOAS?

No novo contexto que surge com o coronavírus, completamente atípico, ganham relevância crescente temas como agenda de acolhimento, cuidado com a saúde e segurança das pessoas. A área de RH, por sua vez, assume um lugar importante nas discussões organizacionais na frente de Gente & Comunicação.

Por envolver diretamente a saúde das pessoas, essa crise é a mais desafiadora e inusitada de nossa geração. Por isso, tem demandado novos aprendizados, como operar num modelo de trabalho cheio de aparatos e novos protocolos presencialmente, assim como o modelo de trabalho remoto, exercendo a liderança de modo on-line e, ao mesmo tempo, mais próxima dos colaboradores.

E COMO TEM SIDO A EXPERIÊNCIA NA DURATEX?

O cenário tem exigido uma sofisticação de gestão inédita na companhia. O senso de urgência mudou completamente, e agilidade e alinhamento estratégico têm feito toda a diferença na tomada de decisão.

Em relação ao colaborador, a pandemia trouxe mais atenção, cuidado e acolhimento, sem perdermos de vista a atitude de dono e o protagonismo, que passaram a ser ainda mais valorizados na jornada de transformação cultural.

QUAL É O PAPEL DO JEITO DE SER E DE FAZER PARA VENCERMOS A CRISE DO CORONAVÍRUS?

A cultura delimita a forma como agimos, como tomamos decisão, como nos comportamos e, numa crise, tudo isso ganha relevância ainda maior. Assim, é inegável que o Jeito de Ser e de Fazer e todo o investimento realizado nos últimos anos têm feito a diferença na maneira como estamos conduzindo esse momento e lidando com a complexidade e a volatilidade da crise. Estamos experimentando a prova final do projeto de mudança cultural. É a oportunidade de vivenciarmos diariamente a nossa cultura e fazermos valer o investimento realizado.

O momento também é de aprendizado, com novas práticas trazendo resultados positivos na gestão de pessoas. Não podemos perder do radar esses ganhos de produtividade, atuação remota, colaboração, autodesenvolvimento e agilidade na execução.

NESSE CONTEXTO TÃO DESAFIADOR, COMO FORTALECER A CONFIANÇA DE COLABORADORES E PARCEIROS?

Para nós, a confiança está relacionada ao cuidado, ou seja, como estamos cuidando de cada um. Quando eu me sinto cuidado genuinamente, eu tendo a confiar. É isso que temos em mente ao escrever um e-mail, criar um boletim e, de forma transparente, informar os casos confirmados de COVID-19 e os nossos protocolos de prevenção. Também é com essa preocupação que estruturamos curadorias para as lideranças e programas de talento, lives, webmeeting, entre outras inciativas.

Incentivamos as lideranças para que sejam agentes de transformação nas pontas e escutem genuinamente o que dizem colaboradores e parceiros, observando os comportamentos nas reuniões on-line, nos telefonemas, nas conversas presenciais (respeitando o distanciamento social e uso de máscara caseira). Estamos colocando as pessoas no centro de tudo e estabelecendo um processo de diálogo verdadeiro e honesto. Isso tem potencializado o clima organizacional e o engajamento de todos.

O QUE A DURATEX TEM FEITO PARA MANTER OS EMPREGOS NESTA CRISE DA COVID-19?

A Duratex é uma empresa séria e cidadã. Não seria diferente neste momento. Os esforços visam manter a saúde dos nossos colaboradores e um ambiente de trabalho seguro, assim como a sustentabilidade financeira da nossa organização e, por sua vez, a empregabilidade, evitando ações mais restritivas, como redução de salário e desligamentos.

Não temos a dimensão completa da crise, que vem se prolongando. A cada dia vamos aprendendo algo novo. Por isso, empresa, lideranças, colaboradores e parceiros precisam atuar de forma conjunta para que as perdas sejam as menores possíveis.

Por enquanto, estamos conseguindo, e esperamos que a estratégia se mantenha. Nossos colaboradores têm nos dado feedbacks positivos e têm se comprometido com as ações implementadas, inclusive em relação as medidas como uso de banco de horas e férias (vencidas ou antecipadas), revisão dos custos internos e foco no atingimento das metas e produtividade.

Como estão as ações
nas três temáticas
de combate a proliferação
do coronavírus?

A Duratex acompanha de perto o cenário da pandemia de coronavírus e implementa ações em linha com as diretrizes da OMS e dos órgãos governamentais do país.

Em relação à proteção da força de trabalho, com a liderança do time DuraSeg e participação dos negócios, está sendo implementado um protocolo de retomada segura das nossas atividades. As medidas restritivas devem se estender por um longo período, até que, de fato, tenhamos controlado a propagação do vírus. É o que muitos estão chamando de “novo normal”.

Também estamos adotando ações para a sociedade. Em consonância com a nossa história de responsabilidade social e em sintonia com nosso propósito, lançamos iniciativas de combate à falta de infraestrutura do sistema de saúde. A companhia vem realizando doações para hospitais, órgãos e projetos ligados à saúde, bem como correlacionados com o nosso negócio, nas comunidades onde estamos inseridos (veja aqui).

Diante de um tema novo e com tantas notícias circulando, e com a necessidade crescente de conhecimento e aprendizado, é fundamental ter um canal corporativo com informações qualificadas. Praticamos a comunicação efetiva e transparente. Assim, a companhia adotou meios para levar a todos os colaboradores as obrigações, orientações e recomendações de como devemos lidar com esse novo contexto, na empresa e em casa. O acolhimento do colaborador e da família tem sido o nosso diferencial, assim como a agilidade na comunicação.

O respeito, a transparência e o cuidado com os colaboradores são o nosso compromisso e o nosso Jeito de Ser e de Fazer.”

Iniciativas efetivas de cuidado com as pessoas

Para ajudar as pessoas a lidar com a pandemia de coronavírus, a Duratex vem fortalecendo:

Saúde física
Nossa equipe de saúde tem acompanhado todos os casos de colaboradores com COVID-19 confirmada ou com suspeita, assim como seus familiares. Também monitora as pessoas que fazem parte do grupo de risco. Além disso, a companhia vem desenvolvendo materiais de comunicação e projetos que contribuam para o bem-estar dos colaboradores: orientações e dicas, pesquisa de autoavaliação de saúde para quem está em trabalho remoto; atendimento proativo e ginástica laboral on-line. Recentemente lançou o WebApp da Saúde, como mais uma iniciativa fundamental, para que todos os colaboradores possam diariamente monitorar a sua saúde, bem como receber informações mais personalizadas.

Saúde mental e emocional
Fortalecemos o Pronto Atendimento Pessoal (PAP), que, além do suporte psicológico, financeiro e jurídico, passou a realizar atendimento proativo e oferecer suporte de assistência social, sempre que necessário. Por meio dos canais de comunicação interna, também disponibilizamos dicas de autodesenvolvimento, relacionamento com a família, segurança e combate à violência doméstica, bem como promovemos encontros on-line com temas relevantes, como saúde mental.

Proximidade líder – liderado
A fim de promover a prática do diálogo franco e continuo, a área de RH criou um material especifico e quinzenal que ajuda as lideranças a realizarem reuniões  respeitando todos os protocolos internos, com uma narrativa humanizada e de apresentação das ações de otimização e de revitalização que estão sendo implementadas. Mais do que nunca, é preciso manter conversas educativas e orientativas, estimulando a colaboração e o respeito mútuo.